Feeds:
Posts
Comments

Archive for the ‘Múrcia’ Category

Hola Múrcia

9 de Abril de 2011

É a minha primeira vez em Múrcia e pelo que consegui ver ontem, tem muito para ver. Pouco depois de sair do hotel e ao passar por uma igreja, uma multidão de pessoas está junto à porta. Passados alguns minutos um grupo de homens e mulheres vestidos de vermelho, literalmente da cabeça aos pés, tocando tambores, dão início a uma procissão.

Não sei qual o significado da procissão, mas depois dos tambores, surge um grupo de homens carregando um andor com uma imagem se Jesus Cristo. O andor deve ser bastante pesado, pois são cerca de 20 homens e a cada 10 metros que percorrem, páram e com a ajuda de uma espécie de muleta seguram o andor.

E assim prossegue a procissão com imensa gente nos passeio a assistir, apesar do forte calor que se faz sentir. Deixo a procissão e sigo em direcção ao centro onde encontro um posto de turismo onde consigo um pequeno livro com a história de Múrcia.

[MODE lição de história ON]

É uma cidade fundada por Muçulmanos, tendo chegado a ser a capital de Al-Andalus no século XIII. Mas ainda antes desta época, Múrcia foi um porto fluvial fenício e romano.

Após a época muçulmana, Múrcia foi substituindo as mesquitas árabes pela igrejas, tendo sido feito um reordenamento urbano e a cidade foi adquirindo o perfil que hoje apresenta.

Até ao meio do século XX, abrem-se grandes artérias que atravessam a cidade de Norte a Sul, fazendo assim desaparecer alguns espaços urbanos. Actualmente, Múrcia conta com uma importante rede de museus para visitar e com muitas outras ofertas culturais que fazem desta cidade, um local muito atractivo.

[MODE lição de história OFF]

Visito a catedral de Múrcia. mais conhecida por Catedral de Santa María. É o templo principal e sede da diocese de Cartagena. Ao entrar apercebo-me que está a decorrer uma cerimónia. É um casamento, mas isso não impede que vários “penetras” se juntem e assitam à cerimónia com muita atenção.

Depois da catedral visito a parte mais antiga da cidade que à imagem da cidade de Alicante, está muito bem conservada. São inúmeras as lojas e os espaços de restauração pelas as estreitas ruas do centro histórico. As pessoas passeam, fazem compras, outras param para beber uma cerveja e outras simplesmente contemplam toda aquela azáfama de máquina fotográfica na mão, atentos a tudo…vivendo intensamente a cidade.

O tempo passa num instante e na praça da catedral, escolho um restaurante para jantar. Depois de um dia bem passado, vou rematar com um jantar “cheio”. Peço uma cerveja para abrir o apetite. Para comer: as já habituais patatas bravas, acompanhadas com uns mexilhões em molho de tomate picante, polvo com alho e pão. Que belo repasto…

Depois do jantar, regresso ao hotel e o resto da noite é passada a arrumar as coisas para no dia seguinte partir bem cedo. Múrcia foi uma cidade que me surpreendeu e que me agradou muito. Vale a pena uma visita.

Até amanhã.

Advertisements

Read Full Post »